Fale conosco

(21) 98378-0435

(21) 99999-2582

(21) 99835-3798

  • Facebook Social Icon
  • unnamed
CNPJ  28.326.681/0001-00

CUIDADOS PARA A PREVENÇÃO DA PAVM NO DOMICÍLIO.

A pneumonia é a principal causa de infecção nosocomial em UTIs, ocorrendo, em mais de 90% dos casos, em pacientes submetidos à intubação endotraqueal e ventilação mecânica. (http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1806-37132009001100005&lang=pt)

 

Avaliar os efeitos dos cuidados de higiene bucal sobre a incidência de pneumonia associada à ventilação mecânica (PAV) em pacientes críticos, em uso de ventilação mecânica, em unidades de terapia intensiva (UTIs). Para o desenvolvimento da pneumonia hospitalar, é necessário que os patógenos alcancem o trato respiratório inferior, vencendo os mecanismos de defesa do sistema respiratório.

 

Nos casos de desenvolvimento da PAV, a aspiração das bactérias existentes na orofaringe e no refluxo gástrico compõe o mecanismo mais importante da infecção. Uma vez que o acúmulo de bactérias ao redor do cuff do tubo endotraqueal, associado ao uso de sedação e ao trauma local com inflamação traqueal, aumenta a colonização e dificulta a eliminação das secreções do trato respiratório. Outras possibilidades de infecção ocorrem mediante procedimentos, como:

 

- realização de broncoscopia;

- inalação de aerossóis contaminados;

- acesso pela corrente sanguínea a partir de cateteres;

- translocação bacteriana através do trato gastrointestinal;

- manipulação do circuito do ventilador.

 

(https://www.portaleducacao.com.br/conteudo/artigos/fisioterapia/pneumonia-associada-a-ventilacao-mecanica-pav/47867)

 

Essa infecção é responsável por aumento de mortalidade, prolongamento do tempo de internação e, consequentemente, aumento de custos. Medidas de profilaxia devem ser orientadas de acordo com a patogênese e dados epidemiológicos locais. Atitudes de ação preventiva envolvem a higienização constante das mãos, manutenção do decúbito elevado do paciente, cuidados na administração da dieta enteral e técnicas adequadas de aspiração e intubação traqueal. (Carmo Neto E, Souza PC, Azevedo F, et al. Pneumonia associada à ventilação mecânica: análise de fatores epidemiológicos na confecção de estratégias de profilaxia terapêutica. Rev Bras Ter Intensiva 2006;18(4):344-50. 6. Guimarães MM, Rocco JR. Prevalence of ventilator-associated pneumonia in a university hospital and prognosis for the patients affected. J Bras Pneumol 2006;32(4):339-46.)

 

Tais medidas são para a prevenção de PAVM - Pneumonia Associada a Ventilação Mecânica, é necessário que os profissionais prestem total atenção ao manuseio dos circuitos e sua exposição, cuidados com as lavagens das mãos. Datar os filtros e demais componentes para não exceder o tempo destinado, controlando riscos de contaminação.   

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Bate papo com Presidente da AFIDERJ.

September 4, 2019

1/10
Please reload

Posts Recentes

January 26, 2019

Please reload

Arquivo
Posts Em Destaque